O homem que caça tesouros nas praias

caca

Com detector de metais consegue encontrar moedas e jóias perdidas

Durante a bela tarde de sol, poucas pessoas são vistas nas areias da praia. Mas, neste quarta-feira (10) um homem que desenvolve um hobby peculiar chama a atenção dos moradores e visitantes, pode-se dizer que é um “caçador de tesouros”. Everaldo Peres Mota, de 62 anos, faz um pente-fino nas areias da praia para recolher objetos perdidos. O aparelho, com custo estimado em R$ 1,2 mil, funciona como um detector comum, tipo dos encontrados em aeroportos para impedir a entrada de armas. De fácil manuseio, assemelha-se a um aspirador de pó com um extenso fio. Um fone ajuda a ouvir o ruído provocado quando a peça é encontrada.

2 respostas

  1. Acho que a matéria do detecteriorismo teria que ser mais completa com informações sobre a a rotina, o que ele já achou essas coisa pra deixar a matéria interessante.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *