Pessoas que perderam ações de vacinação devem procurar Laboratório Municipal

896531befdc8d4bf03c355e55f4b172ae915967b

Pessoas que integram os grupos prioritários e que perderam, por algum motivo, as datas de vacinação contra a covid-19, dentro do cronograma estipulado pela Secretaria Municipal de Saúde (SMS), devem procurar o Laboratório Municipal para fazer a imunização. A unidade está localizada na rua Lobo da Costa, 1.774, e atende das 13h30min às 17h, de segunda a sexta-feira.


Idosos de 60 anos ou mais, profissionais de saúde, gestantes ou puérperas (até 45 dias do parto) com comorbidades e profissionais da educação da rede pública ou privada, de nível básico e do superior, podem se dirigir ao laboratório. Pessoas em situação de rua, integrantes das forças de segurança e salvamento, trabalhadores dos transportes coletivos rodoviários urbanos e de longo curso, trabalhadores da limpeza urbana e resíduos sólidos, além de pessoas com doenças crônicas e deficientes permanentes com ou sem o Benefício de Prestação Continuada (BPC), também integram os grupos prioritários que estão sendo vacinados no local.

Confira a documentação

– No caso de 2ª dose, para todos os grupos

– Documento com foto

– CPF ou Cartão SUS

– Comprovante da 1ª dose

– Caso de 1ª dose conforme o grupo

Para idosos com 60 anos ou mais
– Documento de identidade
– Comprovante de residência
– CPF ou Cartão SUS


Profissionais da saúde
– Carteira do Conselho de classe
– Comprovante de residência
– CPF ou cartão SUS

– Declaração de vínculo com serviço de saúde de assistência a pacientes para casos que não tem registro no Conselho

Gestantes e puérperas
– Documento de identidade
– Comprovante de residência
– CPF ou cartão SUS
– Atestado fornecido pelo médico para gestantes com comorbidades

– Carteira de gestante ou atestado médico atestando a gestação

Profissionais da Educação
– Documento de identidade
– Comprovante de residência
– CPF ou cartão SUS
– Declaração-padrão fornecida pela escola onde atua. O modelo do documento está disponível no hotsite do coronavírus da Prefeitura, na aba “Declaração – Vacina Profissionais Educação” e deverá ser impresso em papel timbrado pela instituição.

Profissionais das Forças de Segurança
– Documento de identidade
– Comprovante de residência
– CPF ou cartão SUS
– Declaração com assinatura do servidor a ser vacinado e da chefia que confirma que ele faz parte do grupo determinado pelo Ministério da Saúde, além de apresentar a carteira funcional.

Trabalhadores do Transporte Coletivo/ e trabalhadores da limpeza urbana
– Documento de identidade
– Comprovante de residência
– CPF ou cartão SUS
– Declaração da empresa comprovando o vínculo do trabalhador

Pessoas com comorbidades
– Documento de identidade
– Comprovante de residência
– CPF ou cartão SUS
– O atestado padrão disponível neste link e que pode ser retirado nos serviços de saúde, públicos e privados, e nas Unidades Básicas de Saúde, no turno da tarde, das 13h às 17h)

Deficientes com ou sem BPC
– Documento de identidade
– Comprovante de residência
– CPF ou cartão SUS
– Com BPC – comprovante do benefício, com extrato bancário/ lotérico ou, do site do INSS
– Sem BPC – anexar comprovação da deficiência por meio de: laudo da rede pública ou particular que indique a deficiência; cartões de gratuidade no transporte público; documento comprobatório de atendimento em centros de reabilitação ou unidades especializadas; documento de identidade oficial com a indicação da deficiência ou qualquer outro documento que possa comprovar a deficiência.

Mais informações podem ser obtidas pelos telefones 156, da Ouvidoria, disponível das 8 às 14h; (53) 3227-9496, da Sala de Vacinas; o (53) 3284-7745, do Setor de Vacinas da SMS; ou ainda o contato do próprio Laboratório, no número (53) 32847741.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *